SPFW N 46: fúcsia, bordô, lilás, verde garrafa, canela, famílias dos avermelhados, azuis, amarelos e mais

Desde já dá para apostar nas cores e tecidos do inverno 2019. A cartela se abre para os metalizados, gabardine de lã couro, crepes romain e georgette, cetim, lamê. O xadrez príncipe de gales (riscadinho) continua como inspiração. Se não sabe direito que tom comprar, se ligue aqui. Reinaldo Lourenço resumiu os anos 70, em losangos e listras, num clima onde rasavam-se o mundo das motocicletas possantes, pelas estampas nas jaquetas, macacões confortáveis e capacetes, tudo isso cai bem com jabôs, saias pregueadas, baby dolls etc. Se tivesse uma palavra para resumir a estação seria PLIS -SA-DO [plissado], saias, vestidos, tudo tem que ter aquelas pregas regradas e acessórios com corda. Valem brincos, bolsas, cintos, arremates, tramados, madeira, tricô. A top 5 voltou com zilhões de novidades. Borana, Vankok e o querido

Este slideshow necessita de JavaScript.

Studio Kalline [peripécias em couro] arrebentaram de novo.

 

anamariadesousaoficial.com

Ig: anamariadesousaoficial

G+: anamariadesousa27

P: anamariadesousaoficial.com

Fotos: Patsy Lopes

 

Autor: Ana Maria de Sousa

Jornalista. Colunista de moda. Mestre pela FFLCH-USP. Doutoranda na PUC-SP, pesquisa sobre o vestiário de Nossa Senhora de Guadalupe em relação a cultura asteca e a história da arte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s